Sabor De Minas

Dicas | Recomendações | Comentários

Qual PaS Ganhou A Primeira Copa Do Mundo De Futebol?

Qual PaS Ganhou A Primeira Copa Do Mundo De Futebol

Onde foi a primeira Copa do Mundo que o Brasil ganhou?

História Hoje: Primeiro título do Brasil na Copa do Mundo A Seleção Brasileira de Futebol levantou a taça de campeã pela primeira vez, em 29 de junho de 1958, na Suécia. A equipe venceu os anfitriões por cinco a dois. A Copa começou sem algumas grandes seleções. Uruguai e Itália não se classificaram. A celeste foi eliminada pelo Paraguai. E os italianos foram desclassificados após confronto com a Irlanda do Norte. Holanda e Espanha também ficaram de fora. A seleção canarinha estreou contra a Áustria e ganhou a partida por três a zero.

  • No jogo seguinte, empatou no zero a zero contra a Inglaterra.
  • Depois, enfrentou a União Soviética, uma das favoritas já que tinha sido campeã olímpica.
  • E o Brasil venceu por dois a zero, assumindo a liderança do grupo.
  • Nas quartas-de-final, o Brasil pegou o País de Gales e ganhou com um gol de Pelé.
  • Contra a França, na semifinal, o Brasil marcou cinco a dois.

Os brasileiros chegaram invictos à final. E entraram em campo vestindo o uniforme azul. Mas a sorte não mudou por causa disso. Contra a Suécia, Liedholm, Vavá, Pelé, Zagallo e Simonsson marcaram os gols da vitória. O quinto gol saiu dos pés de Pelé aos 45 minutos do segundo tempo.

O Brasil se tornou o primeiro país a vencer uma Copa fora do seu continente. Durante a comemoração do título, o capitão da Seleção Brasileira, Bellini, ergueu a taça acima da cabeça. Foi a primeira vez que um jogador fez esse gesto em uma premiação do Mundial. O Brasil foi ao Mundial com a numeração das camisas diferente do que era habitual.

Há uma versão de que a delegação brasileira não enviou os números previamente e a Fifa teria feito a distribuição de forma aleatória. Pelé, com apenas 17 anos, ficou com a camisa 10 e fez desse número algo muito especial ao se tornar o jogador mais jovem a ganhar uma Copa do Mundo.

História Hoje Redação : Beatriz Evaristo Apresentação : Dilson Santa Fé Sonoplastia : Jailton Sodré Edição : Sheily Noleto Publicação web : Patrícia Serrão

: História Hoje: Primeiro título do Brasil na Copa do Mundo

Qual o primeiro Mundial de Clubes?

O primeiro mundial de clubes organizado pela FIFA Por fim, a primeira edição da competição ocorreu em janeiro de 2000 no Brasil, e foi vencida pelo Corinthians.

Quando foi a primeira vez que o Brasil sediou a Copa do Mundo?

A Segunda Guerra Mundial, iniciada em 1939 e terminada em 1945, resultou em uma interrupção na sequência das Copas do Mundo de Futebol. Após 12 anos, o torneio voltava a acontecer e teve como sede mais um país sul-americano: o Brasil. Pela primeira vez nosso país sediava uma Copa do Mundo FIFA, que ocorreu de 24 de junho a 16 de julho de 1950.

A escolha da sede foi difícil, porque em um cenário pós-guerra muitos países não consideravam adequado organizar uma celebração esportiva. O Brasil, que já havia se candidatado para sediar a Copa de 1942, que acabou não ocorrendo, lançou mais uma vez a sua proposta, o que foi prontamente aceito em 1946.

Seguindo a nova regra, Brasil (anfitrião) e Itália se classificaram automaticamente, embora houvesse resistência italiana em participar, pois estavam se reconstruindo após a guerra. Convencida, a Itália se inscreveu no torneio e disputou com o Brasil e mais 11 seleções a quarta edição da competição.

  1. Curiosamente, o Japão, ainda sob ocupação, foi impedido de participar do torneio, assim como Turquia, Índia, e França, mesmo classificados, desistiram de disputar.
  2. Mesmo diante de muitos atrasos, o Brasil terminou seus estádios a tempo e sediou a Copa do Mundo em 6 cidades: Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Recife, Porto Alegre e Curitiba.

Construído especialmente para o torneio e, na ocasião (e durante muito tempo depois ainda), o maior do mundo, o Estádio Municipal, popularmente conhecido como Maracanã, sediou a fatídica partida da final entre Brasil e Uruguai. O ” Maracanaço ” A seleção brasileira tinha a vantagem na disputa pelo título, pois um empate bastava para sagrar-se campeã.

No início do segundo tempo abriu o placar, e já comemorávamos adiantado, até que o Uruguai empatou o jogo minutos depois. O Brasil estava ainda na vantagem, mas faltando 11 minutos para o final da partida o Uruguai marcou mais um, virando o placar para 2 x 1. O Maracanã se calou e, como eternizou o escritor Nelson Rodrigues, “houve um silêncio ensurdecedor no Maracanã no dia 16 de julho de 1950”, às 16 horas e 50 minutos.

O Brasil perdia a Copa, em casa. Para essa edição do torneio foram selecionados artigos dos periódicos: Diário Carioca, Careta, Fon Fon, O Globo Sportivo, Sport Ilustrado, O Malho e A Noite.

Quantas Copas do Mundo o Brasil já jogou?

São 21 participações do Brasil em Copas do Mundo, a única seleção que disputou todas as edições. A Alemanha vem em segundo lugar, com 19. No Catar, a Fifa fará sua edição 22 dos Mundiais.

Quantas vezes o Brasil já perdeu a Copa do Mundo?

Crescimento da Copa do Mundo – Com o passar dos anos e a popularização do futebol, a Copa do Mundo tornou-se um evento grandioso e que mobiliza uma quantidade de dinheiro gigantesca. A relevância da competição refletiu-se na quantidade de nações que participavam do evento.

  1. Não pare agora.
  2. Tem mais depois da publicidade 😉 Nas edições de 1934, 1938 e 1950, foram 16, 15 e 13 nações, respectivamente.
  3. Já nos anos 1954 e 1978, a competição contou com 16 participantes.
  4. Entre 1982 e 1994, o número foi ampliado para 24 seleções.
  5. O modelo que existe atualmente (32 seleções) foi utilizado pela primeira vez na Copa de 1998 e permanecerá até 2022.
See also:  Qual Ano MNimo Para Uber Em 2023?

A partir da Copa de 2026, a competição contará com 48 participantes. A Copa do Mundo, em seu modelo atual, organiza-se da seguinte maneira. As 32 seleções são dispostas em oito grupos, cada qual com quatro equipes. As duas primeiras de cada grupo classificam-se para uma fase eliminatória.

  • Assim, as dezesseis classificadas disputam as oitavas; as oito vencedoras vão para as quartas; as quatro vencedoras prosseguem para as semifinais, e as vencedoras de cada semifinal disputam a grande final.
  • Há também uma disputa pelo 3º lugar travada entre as perdedoras de cada semi.
  • As nações vencedoras de edições de Copa do Mundo são: Brasil (5 títulos), Alemanha e Itália (4 títulos cada), Argentina e Uruguai (2 títulos cada), Espanha, França e Inglaterra (1 título cada).

As nações que mais vezes foram vice-campeãs são: Alemanha, derrotada em 4 finais (1966, 1982, 1986 e 2002), seguida da Argentina, que perdeu em 3 finais (1930, 1990 e 2014). A Holanda participou de três finais e saiu derrotada de todas as três decisões (1974, 1978 e 2010).

O Brasil acumula duas derrotas em finais: uma em 1950, no famoso “Maracanaço”, quando a seleção foi vencida pelo Uruguai por 2×1. A outra derrota aconteceu em 1998, na Copa da França, quando a seleção anfitriã bateu a Seleção Brasileira por 3×0. O Brasil também acumula duas vezes o 3º lugar (1938 e 1978) e uma como 4º colocado (1974 e 2014).

Brasil e Alemanha foram as únicas nações que conseguiram disputar três finais de Copa do Mundo de maneira consecutiva. Os alemães o fizeram em 1982, 1986 e 1990 e foram derrotados nas duas primeiras por Itália e Argentina. Em 1990, deram o troco e derrotaram os argentinos por 1×0.

Qual é o maior clube de futebol do mundo?

A lista

Pos. Equipe País
1 Real Madrid Espanha
2 Manchester United Inglaterra
3 Bayern de Munique Alemanha
4 Barcelona Espanha

Quantas vezes o Brasil perdeu para a França?

Periodicamente, o confronto futebolístico entre brasileiros e franceses recebe as atenções da mídia mundial e, em especial, dos jornais ( online e impressos) dos dois países envolvidos. Do lado brasileiro, há o receio de que soframos mais uma derrota para nossa “carrasca”, rememorando antigos episódios, que dificilmente trazem alguma boa recordação.

  1. Os franceses, por outro lado, provavelmente já sabem que as partidas contra o Brasil são uma chance de dar moral a equipe.
  2. Por mais que a maioria dos jogadores franceses sejam reconhecidamente inferiores aos brasileiros, algo acontece quando as duas equipes se enfrentam.
  3. Em 2011, após quase 5 anos sem se enfrentarem, Brasil e França disputaram um amistoso no Stade de France (mesmo palco da fatídica final de 98).

Mesmo na casa do adversário e o jogo não valendo nada, a seleção canarinho sempre desperta a atenção dos brasileiros e é o assunto do dia de quase todos os periódicos. Sob o comando de Mano Menezes e com uma seleção renovada, cheia de grandes promessas e de jogadores ídolos em seus respectivos clubes, era dado certo favoritismo ao Brasil, mesmo com a derrota no amistoso anterior contra a Argentina,

  1. Há tempos os brasileiros desejam superar a alcunha de “fregueses dos franceses”, que a cada nova derrota é ainda mais reforçada no imaginário dos torcedores.
  2. Logo, esse jogo “sem sal” poderia ser uma redenção das derrotas anteriores e um alento para os brasileiros.
  3. Infelizmente, não foi isso que aconteceu e novamente perdemos para os franceses.

Inevitável comentar que o extraordinário mais uma vez se fez presente nesse clássico internacional. Hernanes, até então um dos jogadores mais disciplinados da seleção, foi expulso por uma falta grosseira e desnecessária. E, a partir daí, só nos restava torcer pelo empate ou por uma derrota não vergonhosa.

Resultado Final: França 1 x 0 Brasil. Os supersticiosos de plantão poderão dizer que essas desventuras em série começaram, ou tiveram seu ápice, com o conturbado episódio envolvendo Ronaldo Fenômeno na final de 1998 da Copa do Mundo da França. Mesmo admitindo que esse tenha sido um fato um tanto quanto estranho, a história, no entanto, nos traz outros dados.

A série angustiante de derrotas do Brasil começou bem antes. No total de confrontos em Copas do Mundo, foram três vitórias francesas (em 1986, 1998 e, recentemente, em 2006). Todas em partidas decisivas em fases finais da competição. A seleção brasileira só triunfou em um confronto, no longínquo ano de 1958 (ano, aliás, em que seria pela primeira vez campeã do mundo).

Em 21 de junho de 1986, na Copa do Mundo do México, o Brasil enfrentou a França pelas quartas de final do torneio. Antes dessa partida, as duas seleções já tinham se enfrentado outras 7 vezes. O retrospecto era positivo para os brasileiros: 4 vitórias, 2 derrotas e 1 empate. Sessenta e cinco mil espectadores assistiam ao jogo no estádio Jalisco em Guadalajara.

Todos acompanharam o Brasil empatar com os franceses no tempo normal e ser sobrepujado nos pênaltis por 4×3. Nesse jogo, dois lances chamam particular atenção: o pênalti perdido pelo ídolo brasileiro Zico e o pênalti convertido pelos franceses (já na disputa de pênaltis), em que a bola bateu na trave, voltou nas costas do goleiro brasileiro Carlos e entrou no gol.

Mais uma vez o extraordinário se faz presente em uma partida entre essas duas seleções. E mais uma vez o pêndulo pende contra o Brasil. Até em Olímpiadas os franceses parecem nos perseguir. Em 1984, nos Jogos Olímpicos de Los Angeles/EUA, o Brasil chegava pela primeira vez a uma final de futebol em Olimpíadas.

Tudo ia bem com a nossa seleção, invicta na competição, até nos depararmos com os nossos algozes. Resultado: derrota na final por 2×0 e adeus ao sonho do título inédito. Interessante notar que o site da CBF negligencia essa derrota ao elencar o histórico dos confrontos entre Brasil e França. Qual PaS Ganhou A Primeira Copa Do Mundo De Futebol Como podemos ver acima, apesar do retrospecto igual no total dos confrontos, os franceses são superiores a nós em quase todas as partidas decisivas disputadas. Após nossa vitória na semifinal da Copa de 1958, já mencionada acima, perdemos em 1986, 1998 e 2006.

See also:  Leao Puxa Qual Bicho?

Seguindo essa não linearidade narrativa, falarei rapidamente de 1998 e 2006. No primeiro, perdemos para a França na final, por esmagadores 3×0. O placar, a meu ver, poderia ter sido até mais elástico. Zidane desfilou toda a sua habilidade, enquanto os brasileiros se contentaram em olhar e aplaudir. Nossos craques não conseguiram brilhar nesse jogo e proporcionaram um dia de festa em Paris.

Em 2006, a seleção francesa não era nem uma sombra da grande seleção de 1998, mas mesmo assim caímos diante deles nas quartas-de-final. Assistimos a um dos últimos lampejos da genialidade de Zidane, que deu até “chapéu” em Ronaldo Fenômeno. Azar o nosso que essa inspiração divina foi aparecer logo contra o Brasil.

  1. Na final contra a Itália, Zidane mostrou outro tipo de habilidade: sua cabeçada em Materazzi foi nada menos que certeira.
  2. Se a cabeçada de Zidane visasse a bola e o gol adversário, o resultado da partida poderia ter sido outro.
  3. Para reforçar meu argumento, terei de me repetir: nessas duas vez o extraordinário também jogou contra os brasileiros.

Apesar das tristezas, nem tudo está perdido. Mesmo que percamos a próxima partida para França e que essa partida seja uma final de torneio, ainda podemos nos vangloriar de algo essencial. A comemoração dos franceses após as vitórias futebolísticas nem de longe supera às nossas. Doutorando em Comunicação da Uerj e bolsista da Capes. Mestre e graduado em Comunicação Social, com habilitação em Relações Públicas, ambos pela Uerj. Atua no projeto de pesquisa “Meios de Comunicaçao, Idolatria, Identidade e Cultura Popular” sob orientação do Professor Ronaldo Helal. É um dos admistradores do blog “Comunicação, Esporte e Cultura”.

Qual é o nome do homem que trouxe o futebol para o Brasil?

O esporte chegou ao Brasil em 1894, trazido por Charles Miller, um jovem filho de ingleses que chegou a São Paulo após realizar seus estudos na Europa. Charles trouxe consigo bolas e as regras para a prática do futebol no país.

Qual foi a melhor seleção do Mundo em 1950?

Grupo 2

Pos. Seleção Pts
1 Espanha 6
2 Inglaterra 2
3 Chile 2
4 Estados Unidos 2

Qual foi a melhor Seleção Brasileira de todos os tempos?

Melhor Seleção Brasileira da história –

  1. 2002 – 28%
  2. 1994 – 24%
  3. 1970 – 13%
  4. 1982 – 7%
  5. 1958 e 2022 – 3%
  6. 1962 – 1%

A Seleção Brasileira de 1970 — considerada por muitos o melhor time de futebol já montado na história — ficar na terceira colocação é fruto principalmente da alta votação alcançada pelas equipes de 2002 e 1994 nas duas primeiras faixas etárias do levantamento.

Que jogador brasileiro marcou o primeiro gol do Brasil em Copas do Mundo?

Primeiro gol do Brasil em uma Copa do Mundo (1930) foi feito por Preguinho contra a Iugoslávia. João Coelho Netto, filho do famoso escritor Coelho Neto, era também conhecido como Preguinho, foi um jogador do Fluminense Football Club, de grande sucesso nas primeiras décadas do futebol brasileiro.

Qual é o maior estádio de futebol do Brasil?

Celebrado mundialmente como país do futebol, o Brasil é a morada de icônicos palcos do esporte. O mais famoso deles é o Estádio Jornalista Mário Filho, conhecido popularmente como Maracanã. Com capacidade para quase 80 mil espectadores, o local já recebeu duas finais de Copas do Mundo (1950 e 2014), além de ser atualmente a casa de Flamengo e Fluminense. Estádio Beira-Rio (Foto: Cris Mattos/CBF) Capacidade: 50.942 espectadores Local: Porto Alegre (RS) Proprietário: Iniciativa privada – Sport Club Internacional Estádio Parque do Sabiá (Foto: Divulgação) Capacidade: 53.350 espectadores Local: Uberlândia (MG) Proprietário: Governo Municiapal Estádio Mangueirão (Foto: Agência Pará/Governo do Estado) Capacidade: 53.645 espectadores Local: Belém (PA) Proprietário: Governo Estadual Arena do Grêmio (Foto: Divulgação/Camejo Comunicação) Capacidade: 55.662 espectadores Local: Porto Alegre (RS) Proprietário: Iniciativa privada – Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense Estádio do Arruda (Foto: Divulgação) Capacidade: 60.044 espectadores Local: Recife (PE) Proprietário: Iniciativa privada – Santa Cruz Futebol Clube Estádio Mineirão (Foto: Daniela Veiga/Atlético-MG) Capacidade: 61.846 espectadores Local: Belo Horizonte (MG) Proprietário: Governo Estadual Arena Castelão (Divulgação/SEJUV-CE) Capacidade: 63.903 espectadores Local: Fortaleza (CE) Proprietário: Governo Estadual Estádio do Morumbi (Foto: Cesar Greco/Palmeiras) Capacidade: 66.975 espectadores Local: São Paulo (SP) Proprietário: Iniciativa privada – São Paulo Futebol Clube Estádio Mané Garrincha (Paula Reis /CRF) Capacidade: 72.788 espectadores Local: Brasília (DF) Proprietário: Governo Distrital Estádio Jornalista Mário Filho (Foto: Guilherme Xavier/LANCE) Capacidade: 78.838 espectadores Local: Rio de Janeiro (RJ) Proprietário: Governo Estadual

Qual a única seleção que nunca perdeu do Brasil?

Classificação e Jogos –

Copa do Mundo

O Brasil chega à Copa do Mundo de 2022 como um dos principais favoritos ao título. Além do elenco qualificado e de estar no topo do ranking da Fifa, a seleção tem histórico positivo contra 30 dos outros 31 países presentes no Mundial. Apenas um time nunca foi derrotado pela equipe Canarinho.

See also:  Trade Ne Demek?

Qual seleção vai mais longe na Copa do Mundo do Qatar?

O Brasil tem aproveitamento positivo na contagem histórica contra 29 das 31 seleções que estão no Qatar em 2022. Enfrentando todas essas equipes em 494 ocasiões – incluindo amistosos -, a seleção soma 285 vitórias, 104 empates e 105 derrotas, um aproveitamento de 64,7%.

O único país que leva a melhor no confronto histórico é a Holanda. A Laranja tem 4 vitórias, 5 empates e 3 derrotas contra a seleção brasileira, Nos duelos válidos pela Copa do Mundo, mais uma vez a vantagem é europeia. São 3 vitórias (2014, 2010 e 1974), 1 empate (em 1998, com classificação brasileira nos pênaltis) e uma derrota (1994).

Até contra a França, algoz em três Mundiais, o retrospecto brasileiro é positivo. A equipe canarinho tem 7 vitórias, 4 empates e 5 derrotas para os Bleus, O triunfo mais significativo aconteceu na Copa de 1958, quando o Brasil venceu o rival por 5 a 2 na semifinal.

Quem goleou o Brasil na Copa do Mundo?

Novo duelo esquenta o dia na Copa do Catar. Que a Sérvia é a primeira adversária do Brasil na Copa, isso todos já sabem.

Quem tirou o Brasil na Copa do Mundo?

Seleção brasileira é eliminada pela Bélgica e vira meme.

Qual foi o primeiro título Mundial da seleção brasileira?

CBF parabeniza os campeões da Copa do Mundo de 1958, os que colocaram a primeira estrela na camisa da Seleção Em 29 de junho de 1958, no estádio Råsunda, em Estocolmo, o Brasil se juntava à lista de campeões mundiais, formada até então por Uruguai, Itália e França.

  • A equipe escalada por Vicente Feola entrou em campo determinada a levar o Brasil ao topo do futebol mundial.
  • E não se abalou quando sofreu um gol da Suécia logo aos quatro minutos de jogo, marcado por Liedholm.
  • O Folha Seca, Didi, pegou a bola rapidamente e a levou até o centro do campo, numa demonstração de que nada pararia a Canarinho.

A Seleção não demorou a reagir e empatou com Vavá aos nove minutos. Garrincha e suas pernas tortas conduziram a bola até o fundo e cruzaram para o meio, onde estava Vavá, livre, para marcar o primeiro gol do Brasil. Aos 32 minutos, veio a virada, em lance incrivelmente idêntico. Taça da Copa do Mundo de 1958 Créditos: Lucas Figueiredo/CBF No segundo tempo, Pelé fez um dos gols mais marcantes da história de Copas do Mundo. A Enciclopédia do Futebol, Nilton Santos, cruzou para O Rei, que dominou no peito e deu um chapéu no defensor sueco. A genialidade do camisa 10 ficou imortalizada em seu chute para o fundo das redes, o terceiro tento do Brasil, aos 55 minutos. Garrincha foi um dos grandes nomes da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1958 Créditos: Divulgação Depois, o Formiguinha, Zagallo chutou por debaixo das pernas do goleiro e ampliou para o Brasil. A Suécia ainda diminuiria a diferença com Simonsson, aos 80, mas o título já estava definido. Ainda havia tempo para Pelé, de cabeça, dar números finais à partida: 5 a 2 para o Brasil. Gilmar dos Santos Neves – campeão do mundo em 1958 e 1962 Créditos: FIFA Do outro lado do oceano, pelo rádio e pela televisão em preto e branco, os brasileiros viram o mundo ser pintado de verde e amarelo. “Parabenizo todos os campeões por mais um aniversário da primeira conquista da Copa do Mundo pela Seleção Brasileira. Qual PaS Ganhou A Primeira Copa Do Mundo De Futebol Enquanto chorava, Pelé recebeu o abraço de Didi e Gylmar Neves Créditos: Diuvulgação Para conquistar a Copa do Mundo da Suécia, não bastava a genialidade de Garrincha e Pelé, o maior jogador de todos os tempos. Era preciso também contar com a segurança de Gilmar debaixo das traves, da liderança de Bellini na zaga, da inteligência de Nilton Santos e da força de Djalma Santos nas laterais, sem esquecer do entendimento de jogo de Zagallo e da técnica apurada de Didi, eleito o melhor jogador da Copa. Equipe titular da Seleção Brasileira na final contra a Suécia Créditos: Arquivo CBF Na cerimônia de entrega da Jules Rimet, o capitão da Seleção, Bellini, recebeu a taça das mãos do Rei Gustavo da Suécia e eternizou o gesto de se levantar o troféu para comemorar um título.

  1. Porém, a decisão de erguê-la ocorreu de forma inusitada.
  2. Não pensei em erguer a taça, na verdade não sabia o que fazer com ela quando a recebi do Rei Gustavo.
  3. Na cerimônia de entrega da Jules Rimet, a confusão era grande, havia muitos fotógrafos procurando uma melhor posição.
  4. Foi então que alguns deles, os mais baixinhos, começaram a gritar: “Bellini, levanta a taça, levanta, Bellini!”, já que não estavam conseguindo fotografar.

Foi quando eu a ergui”, conta. Qual PaS Ganhou A Primeira Copa Do Mundo De Futebol Bellini eternizou o gesto de levantar a taça para comemorar um título Créditos: Divulgação Passados 65 anos da conquista, cabe a nós reverenciarmos os precursores da história do Brasil, hoje pentacampeão mundial. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) presta seus agradecimentos aos 22 atletas campeões da Copa do Mundo de 1958.

Qual foi o ano em que o Brasil ganhou a Copa do Mundo?

Quantas vezes o Brasil ganhou a Copa do Mundo? O Brasil é o maior vencedor de Mundiais, tendo conquistado a competição cinco vezes: em 1958, 1962, 1960, 1994 e 2002.

Quem eliminou o Brasil na Copa do Mundo de 2014?

Já em 2014 a eliminação foi na semifinal, em pleno Brasil, mas o maior vexame de todos os tempos: derrota para a Alemanha por 7 a 1. Na Copa do Qatar, o Brasil foi derrotado por Camarões, por 1 a 0, e, apesar de estar com o time reserva, o resultado foi considerado um grande vexame.